Santuário Sagrado Coração de Jesus
Notícias da Paróquia
28
Jan
Entrevista com o padre Léo Heck, scj, novo pároco-reitor do Santuário

Em 28/01/2017

Entrevista com o padre Léo Heck, scj, novo pároco-reitor do Santuário

Confira na íntegra a entrevista que o novo pároco-reitor do Santuário, padre Léo Heck, concedeu ao Jornal do Santuário.

- Jornal do Santuário: Conte-nos um pouco da sua trajetória de vida até ser nomeado pároco-reitor do Santuário.

Padre Léo: Nasci em Itapiranga/SC, em 26 de outubro de 1953. Sou o oitavo filho de uma família muito religiosa. Os meus pais, Pedro e Matilde Heck, além do zelo pela formação humana, se esmeravam em dar uma sólida formação cristã para os filhos. Minha irmã mais velha, Irmgart Heck, é religiosa das Irmãs da Divina Providência, e hoje trabalha como missionária no estado de Goiás. Eu entrei no Seminário de Corupá em 1966, passando sucessivamente pelos seminários de Rio Negrinho, Curitiba, Jaraguá do Sul, Brusque, Terra Boa/PR, e Taubaté/SP. Fui ordenado sacerdote em 18 de dezembro de 1982, em Itapiranga. Iniciei minha caminhada sacerdotal trabalhando na formação no Seminário de Corupá. Em agosto de 1987, fui cursar o mestrado e o doutorado em Teologia Moral, em Roma. Entre 1991 e 2003, fui formador e professor no Instituto Teológico Sagrado Coração de Jesus (Faculdade Dehoniana) em Taubaté. Neste mesmo período, fui pároco da Paróquia Sagrado Coração de Jesus, também em Taubaté. Trabalhei como juiz de mérito no Tribunal Eclesiástico Interdiocesano de Aparecida, entre 1993 a 2003. Em 2004, voltei a Santa Catarina para ser pároco da Paróquia de Nossa Senhora de Guadalupe, em Canasvieiras, Florianópolis. Em abril de 2006, fui nomeado Superior Provincial da Congregação dos Padres do Sagrado Coração de Jesus - Província Brasileira Meridional, com sede em Curitiba, permanecendo nesta função por dois triênios. Em 2013, recebi a nomeação como reitor e superior do Colégio Internacional “Leão Dehon”, em Roma. Terminado o triênio, retornei ao Brasil, quando fui nomeado pároco-reitor do Santuário do Sagrado Coração de Jesus.

- Jornal do Santuário: Qual é o seu sentimento ao ser escolhido para ser o pároco-reitor do Santuário no momento em que nossa Paróquia celebra seu centenário?

Padre Léo:
No primeiro instante, pensei em não ser digno e capaz para tão grande responsabilidade. Fui invadido por um sentimento de medo, dúvida, ansiedade e expectativa, que me dizia para não aceitar. Mas, espelhando-me em São Paulo, que diz: “sei em quem pus a minha esperança”, meu coração serenou e me joguei, com confiança, no oceano da infinita misericórdia de Deus. Se Ele permitiu que eu fosse o escolhido para essa missão, certamente não me faltarão as graças necessárias, junto com a intercessão da Virgem Maria. Hoje, conhecendo mais de perto a história desta comunidade e vendo a alma que anima este povo, sinto-me ainda mais confiante e louvo a Deus por me dar esta oportunidade de testemunhar o amor imenso do Coração de Jesus.

- Jornal do Santuário: Como pretende difundir todo seu conhecimento para os devotos do Sagrado Coração de Jesus em Joinville?

Padre Léo: O povo, sedento do amor de Deus, não necessita tanto de grandes e belas teorias ou considerações teológicas, embora muito úteis para aprofundar o nosso conhecimento sobre Deus, mas precisa de algo mais profundo e decisivo. Acredito mesmo que o fundamental é levar as pessoas a fazer uma experiência do amor Deus. A mensagem de Jesus, por atos e palavras, é que Deus é amor e é o primeiro a nos amar. “Deus me ama de maneira pessoal e incondicional”, quer eu sinta ou não; acredite ou não. Ele continua a me amar. Basta um pequeno gesto de reconhecimento do nosso pecado, de abertura do coração para Deus, que Ele logo vem com a força do Seu Espírito para nos renovar, fazendo de nós novas criaturas: homens e mulheres novos, verdadeiros filhos e filhas de Deus. Quando um batizado aceita Jesus como seu Salvador, e O proclama o seu Senhor, ele imediatamente começa a experimentar no coração o amor de Deus, forte, intenso e irresistível. A partir disto o coração humano não deixa mais de buscar no Coração de Jesus e na Eucaristia, fonte do amor, as respostas para a sua vida. Como pároco-reitor desta comunidade, pretendo conduzir os peregrinos e devotos do Santuário, a conhecer e compreender “a largura, o comprimento, a altura e a profundidade do amor de Cristo”, que deixou transpassar o Seu Divino Coração para nos revelar o infinito amor do Pai.

- Jornal do Santuário: Deixe uma mensagem aos paroquianos e devotos do Sagrado Coração de Jesus.

Padre Léo:
Em primeiro lugar, quero dizer que abraço a todos no amor do Coração de Jesus. Ao mesmo tempo que me sinto acolhido, acolho a cada um como pastor. Com Maria, neste Ano Mariano, cantemos as maravilhas do Senhor pelos 100 anos de caminhada do Santuário e deixemo-nos conduzir por ela ao Coração de Jesus.


Compartilhe está Notícia
Indique a um amigo
 
 
Santuário Sagrado Coração de Jesus
Rua Inácio Bastos, 308 - Bucarein - Joinville/SC
(47) 3455-2204

Copyright © 2020 Santuário Sagrado Coração de Jesus . Todos os direitos reservados.